Ilustração do Sol logo acima da linha do horizonte leste (L) em 21 de janeiro de 2020, para as coordenadas de Salvador, Bahia, sem o efeito atmosférico de espalhamento da luz solar e evidenciando a região celeste logo abaixo da linha do horizonte, representada em verde. A linha do equador celeste aparece em azul, e a linha da eclíptica em vermelho. As constelações estão caracterizadas com seu aspecto astronômico e mitológico, acompanhadas do nome em letras azuis. Sol, planetas e principais estrelas também aparecem acompanhados de nome próprio. Stellarium.org. Blog O Guardador de Estrelas.

Sol na constelação de Capricornus (Capricórnio), de acordo com o limite oficial entre as constelações, como convencionado pela União Astronômica Internacional. Na tradição astrológica, no entanto, o signo vigente entre os dias 21 de janeiro e 19 de fevereiro é o signo de Aquarius (Aguador).

Mercúrio volta a ser visível nos próximos dias, em Capricornus. Dia 25 em conjunção com a Lua, visível sobre o horizonte oeste no crepúsculo vespertino (evento de difícil observação, dada a proximidade com o horizonte).

Vênus em Aquarius, visível no quadrante oeste pouco após o ocaso do Sol. Dia 27 Lua a oeste de Vênus. Dia 28 Lua a leste de Vênus.

Marte em Ophiuchus (Serpentário), pode ser observado no quadrante leste a partir de 2h. Ao longo das próximas madrugadas poderemos observar Marte afastando-se de Antares.

Júpiter em Sagitarius, visível a partir de 4h sobre o horizonte leste. Na madrugada de 23 nasce seguido da Lua em delgado minguante, formando ambos os astros uma bela configuração celeste, seguida do alvorecer.

Saturno volta a ser visível sobre o horizonte leste na hora da alva, a partir do dia 25, em Sagitarius.

Lua

Dia 21 Lua minguante próxima e a leste de Marte, em Ophiuchus, ascendendo sobre o horizonte leste às 2h20 com cerca de 13% do seu disco iluminado.

Dias 22, 23 e 24 Lua em Sagitarius. Dia 23 próxima e a leste de Júpiter. Dia 24 lua nova.

Dia 25 Lua em conjunção com Mercúrio, ambos os astros visíveis sobre o horizonte oeste no final do crepúsculo vespertino. Evento de difícil observação, dada a proximidade com o horizonte.

Dias 26, 27 e 28 Lua em Aquarius. Dia 27 a oeste de Vênus, dia 28 a leste de Vênus, com o aspecto delgado crescente.

Dia 29 Lua em Pisces (Peixes).

Dia 30 Lua em Cetus (Baleia).

Dia 31 Lua em Pisces.

Boas observações!


Fernando Munaretto

Fernando Munaretto é autor do Blog O Guardador de Estrelas. Paranaense, radicado na Bahia desde janeiro de 1996, época em que iniciou seus estudos em Astronomia. Montanhista, motociclista, amante de ciências naturais, história, literatura, trabalha com educação, ministrando palestras e observações do céu ao ar livre na Chapada Diamantina, no Planetário do Museu Parque do Saber, em Feira de Santana, e em Salvador, com diversas escolas, instituições de ensino e agências de ecoturismo da Bahia e de outros estados.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *